INCOMPETÊNCIA ISTMO-CERVICAL – Sintoma, Diagnóstico e Tratamento

Foto Incompetência istmo-cervical

A Incompetência istmo-cervical é uma causa de abortamento tardio (>12 semanas de gestação), ocorre devido o encurtamento do canal cervical, um problema do próprio colo uterino. Não há sangramento, cólica ou contração uterina, sendo habitualmente assintomática.

O colo uterino deve se manter fechado em toda a gestação, no decorrer da gestação, como há um aumento gradativo do tamanho uterino o canal cervical vai encurtando até haver a dilatação do colo, onde se inicia o trabalho de parto. Na Incompetência istmo-cervical teremos um encurtamento precoce do canal cervical e caso não haja uma interferência médica irá evoluir para o abortamento. Este abortamento normalmente é tardio pois é quando o feto possui peso suficiente para forçar e sair através do colo uterino.

Normalmente a gestante com este diagnóstico possui uma história de procedimento ginecológico onde o colo uterino foi alvo. Ex: biópsia, conização, curetagens, etc.

SINTOMAS:

Normalmente a Incompetência istmo-cervical não gera sintomas, é suspeitado após uma ou mais perdas sem motivo aparente.

DIAGNÓSTICO:

 

O diagnóstico é realizado durante a gravidez através do exame de ultrassom transvaginal, onde faz-se a medida do canal cervical em pacientes de risco, ou seja, naquelas gestantes com evidências  de encurtamento do canal cervical ao toque vaginal. O médico sempre deve suspeitar e consequentemente investigar a incompetência istmo-cervical naquelas gestantes com história de abortamento de repetição. É considerado normal o canal cervical maior que 3 cm ao ultrassom.

 

 

TRATAMENTO:

Consiste na realização da circlagem, ou seja, fechamento do colo através de sutura (pontos) durante a gestação.

Autor(a): 

Médico formado pela Faculdade de Medicina de Valença - FAA.
Cirurgião Dentista formado pela FOV.

  • googleplus
  • facebook
Dúvidas serão respondidas apenas em nosso FORUM, entre e faça sua pergunta.

 

23 Comentários para “INCOMPETÊNCIA ISTMO-CERVICAL – Sintoma, Diagnóstico e Tratamento”

  1. Adriana disse:

    Em 2005 engravidei e perdi meu filho com 22 semanas de gestação. O médico era um idiota e não examinava direito. Em 2009 engravidei novamente e como já sabia do problema, fiz a cerclagem com 13 semanas e depois com 22 semanas. Meu filho nasceu com 36 semanas e hj tem 4 anos e meio… Esse ano de 2014 quero engravidar novamente… se Deus quiser vai dar tudo certo. Não percam a esperança… eu não perdi e hj tenho um filho lindo…

  2. Rosana disse:

    Em 1996 sofri minha 1ª perda , estava com 17 semanas, e fui me abaixar para colocar a sunguinha de praia no meu irmãozinho e senti algo descendo com pressão, meu marido quando olhou era a bolsa que estava descendo, fui ao médico e nada puderam fazer, ai sugestionaram ser Incompetência istmo cervical, nunca tinha ouvido falar , comecei a pesquisar, em 1998 engravidei novamente( 1 ano e 4 meses depois), a médica que me atendia não quiz fazer a cerclagem e aos 5 meses perdi outro bebê, nasceu vivo, porém 7 horas depois ele faleceu, seus pulmões estavam imaturos,não queria mais ter filhos pois tudo complicou nesta gravidez,quase morri, tive hemorragia,mas na nossa vida temos que ter fé e acreditar que existe um Deus que tudo pode, quando os médicos disserem não há jeito, aí que Deus começa a agir, pois Ele é das causas impossíveis,5 anos depois decidi tentar mais uma vez, a qual disse q seria a última e ainda bem que tentei hoje sou mãe de uma linda menina de 10 anos, Deus colocou um médico maravilhoso em meu caminho,atencioso, competente,que me deixou tranquila, com 12 semanas de gestação fiz a cerclagem, fiquei de repouso uns 30 dias e voltei a trabalhar ate o 8 mes, mas com cautela, ate a 20 semana não tinha relações sexuais, não podia pegar peso e subir e descer escadas com muito cuidado, mas deu tudo certo, e creio que dará também a todas vocês que sofreram e sofrem com esse problema, boa sorte a todas e tenham fé, TUDO É POSSÍVEL AQUELE QUE CRÊ.

  3. Carlene Ciríaco disse:

    Nas duas primeiras gravidezes eu tive todo o processo de parto: dor, cólica, sangramento, contrações até a expulsão do feto, que se deu, na 1ª, depois de 9 horas de trabalho de parto, e, na 2ª, após 16 horas… A primeira eu estava com 22 semanas e a 2ª com 21.
    Na terceira gravidez cerclei às 12 semanas, meu filho nasceu prematuro porque tive problema de pressão.
    Na quarta gravidez cerclei novamente e minha bebê nasceu de 37 semanas e 5 dias.
    E estou mais uma vez grávida. E cerclada! Com 27 semanas, há 12 cerclada!

  4. Nilde Alves disse:

    Já engravidei 4 vezes e perde todas, a ultima gravidez fiz curetagem mais mesmo assim eu perde meu BB,muitas pessoas dizem que o medico não fez os pontos pequenos e tbm pq não fiquei em repouso por isso perde,Dr queria saber o que realmente acontece comigo quero muito engravida,já vou completar 30 anos sou casada e quero muito ter meu filho..me ajuda por favor o que tenho que fazer..

  5. claudioana reis disse:

    Ola tive tres abortos sofri muito com todas as percas uma das percas era de gemios uma dor que so quem passou sabe o que é na gravides dos gemios fiz a cerclagem mais nao consegui segurar a dor é muito grande,ja se passaram tres anos do meu ultimo aborto , meu maior sonho é ser mae nasci para isso, quero tentar de novo mais tenho medo

  6. Yasmine disse:

    Olá perdi meu bebê com 22 semanas,ainda estou sofrendo muito…os médicos disseram que eu tinha esta insuficiência istmo cervical, e que teria que esperar mais de 6 meses para engravidar de novo. Quero muito,mais tenho medo de engravidar e acontecer de novo..ou eles nao quererem fazer o procedimento da cerclagem.

    • valessa madureira disse:

      Eu tive um aborto de 24 semanas e o medico na epoca nao me explico direito o ue eu tinha mas disse que eu so potderia engravidar de 6 meses a 1 ano, eu engravidei 2 meses depois. Fiz varios ultrassons e com 16 semanas fiz a cerclagem porque meu medico disse que meu utero nao ia aguentar… Tive minha filha com esforço hj ela tem 4 anos e estou gravida novamente de um menino ja estou com 27 semanas e tive que fazer cerclagem novamente. Com 14 semanas eu fiz e estou de repouso. Nao existe outra coisa a ser feita a nao ser a cerclagem se quiser ter um filho. É a unica coisa que vai ajudar a manter o bebe por mais tempo em sua barriga. Se os medicos nao querem fazer a cerclagem peegunte a eles porque… Espero que de tudo certo pra vc querida.bj

    • Valéria disse:

      Olá Yasmine, em 2006 eu tive meu filho Guilherme, estava de 23 semanas de gestação, foi diagnosticado Insuficiência Istmo Cervical. Meu filho viveu por 3 dias e faleceu, sofri demais, entrei em depressão, foi horrível. Entreguei nas mãos de Deus e depois de 02 anos sem tomar anticoncepcional, fiquei grávida e com 12 semanas fiz a cerclagem, o médico conseguiu dar 03 pontos.Retornei ao trabalho e para faculdade depois de 01 semana, não podia ter relação, nem subir escadas e nem carregar peso. Minha filha nasceu com 36 semanas de gestação, uma boneca com 3.126kg e 48 cm…hj ela tem 7 anos, faz 08 agora em Junho, eu não quis mais filhos, essa já é uma vitória…Confia em Deus, é só isso que eu te digo, tudo ocorre para o bem daqueles que O ama!!! Fica em paz!

  7. Helena disse:

    Engravidei pela primeira vez em julho de 2012 e aos cinco meses em novembro perdi todo o liquido fiquei internada e entrei em trabalho de parto e meu bebe nasceu morto, os médicos nada me disseram qual seria a patologia. Em maio desse ano (2013) engravidei novamente e em setembro aos quatro meses perdi novamente meu bebe senti um bolo na minha vagina era o meu bebe que ficou no canal da vagina por quatro dias lutando pela vida mas no dia 079 expulsei o feto espontaneamente foi nessa segunda perda que os médico me disseram que tinha a patologia de incompetência istmo cervical. Estou me recuperando dessas perdas (doi demais) vou realizar todos os exames engravidar, fazer a cerclagem e ficar em repouso absoluto para concretizar o meu grande sonho que É SER MÃE.

  8. Karin disse:

    Oi, já perdi uma bebê com 6 meses de gestação com essa patologia, minha dilatação tava 10cm, ela nasceu viva e com 5 dias de vida ela infelizmente faleceu. E hoje estou grávida de 3 meses entrando no 4 mês, e estou fazendo os exames para realizar a Cerclagem, mas acho que o meu médico está demorando de mais. Estou com um pouco de medo. Pois a perda de um filho dói muito.

    • michele lima disse:

      Querida,tive cinco abortos uma faleceu com 14 dias de vida na pucrs em porto alegre a cerclagem deve ser feita ate 16 semanas após td isto fui pro hospital femina em poa fiz cerclagem consegui segurar e tenho minha gorda linda hj com 1 ano e meio sou muito feliz fica calma pois isto que nos assusta faz acontecimentos ruins virem pensa positivo tem fe pois assim como eu apenas meu marido acreditava que eu ia segurar,vai dar td certo me procura no face.bjss

  9. Emile disse:

    Já tive dois abortos entre a 24 e 26 semana… qual a probabilidade de uma cerclagem ser bem sucedida? Depende do tamanho do encurtamento? Só agora resolvi pesquisar sobre isso por conta própria, depois de tirar todas as dúvidas vou procurar um médico para concretizar os conhecimentos….

    Muito abalada com tudo que vivi…
    Obg

    • Carlene Ciríaco disse:

      Acredito que o sucesso da cerclagem está no repouso que você faz, pois não adianta fazer uma costura no colo e permanecer com as mesmas atividades forçosas que tinha antes: subir e descer escadas, carregar peso, faxinar, ter relações sexuais – nada disso é bom para uma gestante cerclada, pois força os pontos.

  10. Adriana disse:

    Oi, tive um aborto com 9 semanas, depois de alguns meses engravidei novamente e consegui levar até 5 meses, quando tive contrações, meu bebê nasceu com 28 semanas e não resistiu, foi aí após alguns anos que descobri o probema do colo do útero aberto, realizei a cerclagem com 12 semanas, fiz repouso absoluto meu filho nasceu, forte e saudável, 10 anos depois, tive uma surpresa, engravidei novamente e vou ter q realizar o mesmo procedimento, se Deus quiser tudo dará certo, é só confiar.

  11. Larissa disse:

    Tive uma incompetencia na primeira getação com 20 semanas apresentei uma dor muito forte e vimos no US q estava com esta patologia, mas o médico arriscou fazer a circlagem, tive contração até 34 semanas, qdo tirou a circlagem, e fui entra em trabalho de parto com 37 semanas o meu médico não acreditava q eu ia chegar até 37 sem, a minha filha nasceu com 3080g cheia de saude, mas o q ajudou muito foi o repouso absoluto, então quem, tem essa patologia faça repouso, vale muito a pena.

  12. Katia Carvalho Melchides disse:

    Tive duas gestaçoes de risco nas duas tive aborto como resultado a primeira foi por descolamento de placenta tava com 25 semanas e meia, a segunda por ncompetencia-is tmo-cervical tava com 26 semanas. Agora fiz todos os exames e agora planejo engravidar de novo mesmo meu medico me explicando tudo sobre a cerclagem confesso q estou um pouco apreenciva.

  13. Josiane disse:

    estou na minha segunda circlagem,a primeira perdi o nenem por negligencia medica.mas agora dara certo pois acima de tudo Deus esta comigo e me ajudara.

  14. ana disse:

    OLA… PERDI UMA GRAVIDES NO QUINTO MES DE GESTACAO, CHEGAMSO A COMCLUSAO ATRAVES DE UM EXAMEN, QUE SOFRIA DE INCOMPETENCIA CERVICAL… FIZEMOS A CRECLAGEM NA SEMANA 13, SOLTAMOS NA 38, E A MINHA FILHA NASCEU PERFEITAMENTE BEM, MAS SEMANA 40… CINCO ANOS DEPOIS FIZEMOS O MESMO NA GESTACAO DO MEU FILHO,E CORREU TUDO DENTRO DOS PRAZOS TAMBEM… AGORA AOS 45 ANOS ESTOU TENTANDO UMA NOVA GRAVIDES, E ESTOU CERTA QUE TUDO SAIRA BEM DE NOVO…

  15. diesse disse:

    ACHEI INTERESANTE ,NA MINHA FAMILIA A CASO QUEE MINHA PRIMA SEMPRE QUE ENGRAVIDA PERDE O BEBÊ ,O MÉDICO DISSE QUE ELA NÃO SEGURA BEBÊ .

  16. manuela disse:

    oi eu fiz deu certo , hoje minha filha ta com 3 anos ,graças a déus e a ou meu medico genecologista poie ele foi mt importante nessa hora

  17. Enilayne Cristina disse:

    Eu descobri que tinha incompetencia ao entrar em trabalho de parto com 5 meses de gestaçao. Fiz a circlagem, mas tbm nao adiantou. Porém na segunda gravidez fiz circlagem com 3 meses e só consegui segurar o bebe até 7 meses, mas graças a Deus deu tudo certo. Nao é necessário apenas a circlagem é tbm preciso fazer repouso absoluto!

  18. Miriam Carneiro disse:

    Muito obrigada,

    Depois desta página falando de Incompetência Istmo-Cervical, estou bem mais esclarecida sobre o meu problema. A única coisa que me falta é ter um médico de confiança que possa me ajudar neste assunto.

    Obrigada por tudo.

  19. Andreia gullich disse:

    eu fiz circlagem e não adiantou

Deixe seu Comentário

You must be logged in to post a comment.